High School DxD:Volume 6 Vida.3.1

From Baka-Tsuki
Jump to: navigation, search

Uroboros[edit]

Eu, Azazel, venho dando cabo de uma grande quantia de demônios da facção dos Antigos Maous, no campo do Rating Game. O restante deles deve ser facilmente derrotado pelos meus subordinados.

Deixei o resto para os meus subordinados e voei ao céu, em direção a certa situação.

—A joia na qual reside o Fafnir está reagindo para esse lado.

Logo após ter sido teleportado para cá com os meus subordinados, graças ao poder do Odin, eu vi uma pessoa ao longe neste campo. A joia presente no meu abdômen aumentou seu brilho.

Eu então fiquei de frente com essa pessoa… Uma menina que tinha seu cabelo preto até a cintura. Ela estava usando um vestido preto, e podia-se ver suas pernas finas. A garotinha tinha um rosto gracioso, mas ela estava olhando para o centro do campo, que continha vários santuários alinhados… Estreitei meus olhos e falei para ela.

“—Eu nunca esperei que você fosse vir pessoalmente.”

A garota reagiu a minha voz e então olhou para mim. Ela sorriu levemente.

“Azazel. Já faz um tempo.”

“Você antes não tinha a aparência de uma pessoa de idade? Agora você tem a aparência de uma bela garota-sama… você definitivamente tem meu respeito. O que você está tramando. —Ophis.”

Sim, ela é o [Dragão Uroboros1], Ophis! A líder da Khaos Brigade! Não há engano sobre isso. A aura assustadora a qual você não conseguiria descrever só pode pertencer a Ophis. Na última vez que eu a vi, ela tinha a forma de um homem idoso, mas dessa vez ela tinha a aparência de uma garota de cabelo preto. Bem, para ela, aparência é só um decorativo. Ela pode mudar o quanto quiser.

Se ela veio aqui em pessoa, então isso quer dizer que todo esse terror é muito importante para ela.

“Observando. Apenas isso.”

“Contemplar a vista de um bom lugar, é… Mas pra líder aparecer, huh. O mundo ficará em paz se eu derrotar você aqui?”

Disse isso com um sorriso amargo, enquanto apontava a minha lança de luz para ela. Mas ela balançou a cabeça negativamente.

“Impossível. O Azazel não pode me derrotar.”

Ela disse isso claramente. Como eu penso. Eu não sou capaz de derrotá-la por mim mesmo. Eu sei disso. Mas é certo que a Khaos Brigade sofreria um grande abalo se eu a derrotasse.

“Então que tal se for dois?”

Quem apareceu enquanto batia suas asas era… um dragão enorme!

“Tannin!”

O ex-Rei Dragão, Tannin! Esse cara também estava envolvido em eliminar a facção dos Antigos Maous do campo do jogo, mas parece que ele veio para cá após terminar seu trabalho. Com seus grandes olhos, o Tannin encarou a Ophis.

“Jovens demônios estão apostando seus futuros, e estão nesse campo de batalha. Eu não gosto do fato que você veio interferir nisso! Pra você, que não tinha nenhum interesse no mundo, se tornar a líder dos terroristas!? O que fez você se tornar assim!?”

Eu também assenti, com a cabeça, a opinião do Tannin, e também perguntei a ela.

“Passar o tempo. —Não diga uma razão tão estúpida como essa. Por causa de suas ações, existem vítimas pra todo o lado.”

É, já que ela está no comando dos terroristas, ela emprestou o poder dela para todo tipo de gente perigosa, e isso trouxe baixas para cada uma das facções. O número de mortos aumenta pouco a pouco. Isso é tão grave que nós não podemos mais ignorar.

O que a levou a agir e ficar no comando dos terroristas? Eu apenas não conseguia entender isso. Por que a existência suprema, que esteve em silêncio sobre o mundo, decidiu agir agora?

Mas a resposta da Ophis foi algo que eu não pensava.

“—O mundo do silêncio.”

…………………

Por um momento, eu não entendia o que ela disse.

“Huh?”

Eu perguntei mais uma vez. Então a Ophis olhou diretamente para nós e disse novamente.

“Eu quero retornar ao [Dimensional Gap]2 e ter silêncio. Essa é a única razão.”

—!

Ela está dizendo que essa é a razão dela? O [Dimensional Gap]. Para tornar isso simples, o mundo humano com o Submundo, e o mundo humano com o Céu, o [Dimensional Gap] é a parede dimensional que existe entre eles. O limite que separa o mundo. Nada existe lá, e é chamado de “O mundo do nada”. Eu sabia que ela tinha nascido lá, mas…

“…… Eu deveria rir, já que o motivo é estar com saudades de casa, mas o [Dimensional Gap], huh. Se bem me lembro, no [Dimensional Gap] está…”

Ophis assentiu com a cabeça as minhas palavras.

“Sim, o Great Red3 está lá.”

Nesse momento, o [Dimensional Gap] está no controle daquele cara. Entendo. A Ophis quer se livrar dele, daí então ela pode voltar ao [Dimensional Gap]. Não me diga que com essa necessidade… A necessidade de lidar com o Great Red é a razão pela qual ela se colocou a favor dos demônios da Khaos Brigade e de outros caras perigosos de diferentes facções.

Então uma única possibilidade passou na minha cabeça. —Agora eu entendi isso, Vali. Esse é o seu objetivo!

Quando eu estava tentando chegar a uma conclusão sobre isso na minha mente, um círculo mágico apareceu próximo a Ophis, e alguém se teleportou ali. Quem apareceu foi um homem usando roupas nobres. Esse rapaz se curvou para mim e deu um sorriso.

“É a primeira vez que o encontro. Eu sou quem carrega o sangue do verdadeiro Asmodeus. Creuserey Asmodeus. Eu vim pedir a você, o Governador dos anjos caídos, por uma luta, já que sou um membro da facção do ‘Verdadeiro Maou’ da Khaos Brigade.”

………. Hahahaha, olha o que temos aqui………. É o aparecimento de uma das mentes por trás disso. Enquanto coçava a minha cabeça, eu disse.

“Parece que o Asmodeus da facção dos Antigos Maous apareceu em pessoa.”

[DON!]

Então, antes de eu confirmar a sua identidade, ele já tinha uma aura demoníaca em volta do seu corpo. A cor era um preto profundo. Então esse cara também recebeu o poder da Ophis.

“Não é o ‘antigo’! Eu sou quem carrega o sangue do ‘Verdadeiro Maou’! Eu vou vingar a Cattleya Leviathan aqui mesmo!”

Ele era o macho da Cattleya ou algo assim!? Bem, isso não importa. Se eu conseguir derrotar uma das mentes por trás desse terror, então eu não posso pedir por mais nada. Então eu vou aceitar o desafio dele.

“Por mim tudo bem. Tannin, o que você irá fazer?”

“Eu não sou alguém rude que interfere em uma batalha de um contra um. Eu vou vigiar a Ophis.”

Esse cara realmente é um guerreiro. É um desperdício ele ser um dragão.

“Deixo isso com você. Isso ficou caótico, mas a essa altura, os meus alunos já chegaram em segurança no lugar onde o Diodora está.”

Deixei isso escapar da minha boca, mas a Ophis balançou a cabeça negativamente quando ela ouviu isso.

“Eu também dei uma serpente minha ao Diodora Astaroth. Se você consome isso, seu poder aumenta drasticamente. Derrotá-lo não será tão fácil.”

“Hahahahahahahhahahahahaha!”

Gargalhei em voz alta ao ouvir o que a Ophis tinha dito. Ela não sabe! Você realmente não entende Ophis!

“Por que ri?”

Com a Ophis inclinando a cabeça dela, eu disse.

“Serpente, huh. Isso parece poderoso. Mas infelizmente, isso não será suficiente.”

“Por quê? Minha serpente concede um poder enorme se consumida.”

“Ainda assim, isso não será suficiente. Na partida anterior, por causa das regras, ele não pôde usar seus poderes completamente.”

O treinamento com o Tannin, o quão sério isso foi, o Diodora Astaroth vai descobrir com o seu próprio corpo. Um Rei Dragão como seu parceiro de treinamento. Mesmo ele sendo um ex-Rei Dragão, um dragão lendário que ainda estava na ativa perseguiu por aí um simples moleque. Embora ele tenha se segurado, normalmente você estaria morto. Morrer no processo teria sido natural.

—Mas ele suportou isso. Ele voltou vivo, e alcançou o Balance Breaker! Vocês ainda não entendem o que isso significa!

Eu peguei a joia do Fafnir, e fiz uma postura com a Sacred Gear artificial.

“Agora, Fafnir. Vou estar com você novamente. Nosso oponente é Creuserey Asmodeus! Vamos lá, Balance Breaker!”

Em seguida, eu estava coberto por uma armadura dourada. Ise, não há nada lhe impedindo agora.

—Então fique furioso!

Quando eu estava tentando me mostrar, um círculo mágico ficou entre nós. Esse formato é… Entendo. Então você veio pessoalmente. E quem apareceu do círculo mágico foi o Rei do Cabelo Carmesim— Sirzechs.

“Sirzechs, por que você veio?”

Ele estreitou seus olhos com a minha pergunta.

“Pra esse plano eu tive a minha irmãzinha envolvida em questões políticas de nós, adultos. Então eu também preciso vir pras linhas de frente. Eu pensei que seria ruim se deixasse tudo pro Azazel, todas às vezes. Eu quero convencer o Creuserey. Se eu não fizer nem isso, então eu não serei capaz de encarar a minha irmã.”

Cara, esse homem realmente é…

“… Você é realmente um bom moço. Você sabe que isso será um desperdício?”

“Mesmo assim, eu queria perguntar diretamente, como o atual Rei dos demônios.”

Baixei a minha lança. No momento que ele viu o Sirzechs, a expressão de Creuserey foi tomada pela raiva.

“… Sirzechs! A odiosa falsa existência! Pra aparecer aqui em pessoa! Por sua causa… Por causa de vocês, nós…..!”

Veja. Essa é a realidade. Para eles, a sua existência é o que eles mais odeiam.

“Creuserey. Você poderia abaixar a sua arma? Se for agora, eu ainda posso negociar. Por ser um descendente do Maou anterior, longe dos holofotes, e tendo sido colocado em um canto do Submundo. Mesmo agora, às vezes eu penso: ‘Talvez houvesse outro jeito?’. Eu quero uma negociação com os descendentes dos antigos Maous. Mais do que isso, eu gostaria que você conversasse com o atual Maou Asmodeus, Falbium.”

As palavras do Sirzechs eram educadas. E foi isso que irritou Creuserey.

—Isso é inútil Sirzechs.

A princípio, suas palavras como o atual Maou não vão alcançá-lo. Você é muito ingênuo. Creuserey então ficou furioso.

“Não fale besteira! Não só com os anjos caídos, mas você também se aliou com os anjos, então eu não quero ouvir o que você, um imundo, tem a dizer sobre demônios! Não só isso, mas você está me dizendo pra falar com o impostor!? Já basta das suas besteiras!”

Suspirei e falei ao Creuserey.

“Como se você estivesse em posição de dizer isso. Vocês, a Khaos Brigade, têm hereges perigosos dos Três Grandes Poderes reunidos.”

Ele deu um sorriso.

“Nós não estamos cooperando. Nós estamos usando eles. Os odiados anjos caídos e anjos são seres que só servem de ferramentas pra nós, demônios. Compreender uns aos outros? Paz? Não! Nós, os Maous, somos aqueles que devem se tornar os Reis do Mundo! Usando o poder da Ophis, nós iremos destruir o mundo e criar um novo mundo de demônios! Pra isso, vocês, Maous impostores, estão no nosso caminho!”

Ah, isso é ruim. Esse é o pensamento daqueles líderes loucos que aparecem nos livros. Os demônios já estão em perigo quanto à continuação da sua espécie, então o que eles estão pensando……?

Sirzechs. Você deve estar com seus sentimentos confusos, mas você está fazendo um ótimo trabalho como Rei, sabia? Por os Antigos Maous serem como esses caras, os demônios foram em direção à autodestruição. Seus pensamentos. Suas crenças. Eles não coincidem. O abismo entre os dois lados é grande, e isso nunca será consertado. Com os olhos entristecidos, o Sirzechs disse.

“Creuserey. Eu apenas quero proteger as sementes dos demônios. Eu preciso proteger os civis, ou então a nossa espécie não prosperará. Eu não me importo se me chamar de ingênuo. Eu quero levar as crianças ao futuro. —Nós não precisamos de guerra no atual Submundo.”

“Ingênuo! Além do mais, isso é um motivo tolo! Você acha que isso será o fim dos demônios!? Demônios roubam as almas dos humanos, nós os atraímos para o inferno, e existimos pra eliminar Deus e anjos! Não há mais necessidade de negociação! Sirzechs! O falso Rei, com sua falsa bondade!— Um Lúcifer! Um Maou! Eles são seres que aniquilam tudo! Mesmo você tendo o poder da destruição, por que você não usa isso contra o anjo caído ao seu lado!? Como eu pensei, você não tem o direito de chamar a si mesmo de Maou! Eu, Creuserey Asmodeus, que sou um Maou de verdade, irei acabar com você!”

Esse foi o fim entre Sirzechs, o atual Maou, e o descendente de um antigo Maou. O Sirzechs então falou para a Ophis.

“… Ophis. Uma negociação com você também é impossível?”

“Somente se você consumir uma serpente minha e fizer um juramento a mim. Mais uma coisa. Abra mão da posse do [Dimensional Gap] ao redor do Submundo. Vou ficar com tudo isso.”

—Obediência e o fechamento do Submundo, huh.

Não há como um Maou, que carrega o Submundo nas suas costas, aceitar isso facilmente. O Sirzechs olhou para cima e fechou os olhos. Quando ele abriu os olhos… Seus olhos estavam tão gélidos que me deram calafrios. Depois de notar isso, Creuserey se distanciou e criou uma grande quantia de poder demoníaco em ambas as mãos.

“Sim! É isso aí! Assim é mais fácil de entender, Sirzechs!”

Creuserey estava torcendo por isso o tempo todo……… Sirzechs, desde o início não havia como suas palavras alcançarem ele. Ainda assim você procurou falar com ele, huh. —Seus pensamentos. E os pensamentos do Submundo.

O Sirzechs colocou sua mão direita para frente e a apontou para cima. Poder demoníaco estava se reunindo ali. O poder demoníaco do Sirzechs começou a formar uma aura irregular. —O poder da destruição. Com um tom estranho, o Sirzechs falou.

“Creuserey, como Maou, eu vou eliminar qualquer um que se torne uma ameaça ao Submundo.”

“Você! Não se atreva a usar o nome de Maou!”

Creuserey liberou grandes quantias de poder demoníaco de ambas as mãos. O Sirzechs nem pestanejou e mudou o poder demoníaco em suas mãos para várias pequenas esferas, e então as atirou para frente.

[BANG!]

[GUUUUUN!]

O poder demoníaco de Creuserey desaparecia conforme tocava o poder demoníaco do Sirzechs, como se isso fosse pulverizado. O poder demoníaco liberado pelo Sirzechs movia-se como se tivesse vontade própria, e eliminava os ataques de Creuserey. O Sirzechs em si desviava, ou usava magias defensivas, para os ataques que não podiam ser eliminados. Uma das esferas de poder da destruição foi para a boca de Creuserey.

[DON!]

Creuserey a engoliu. Quando se acalmou, ao mesmo tempo seu poder demoníaco diminuiu drasticamente! —Será que o Sirzechs se livrou da serpente que o Creuserey ingeriu?

Sirzechs então disse isso.

“—[Ruin the Extinct]4! Eu me livrei da serpente em seu estômago. —Com isso você não será mais capaz de lutar com tamanho poder.”

Tendo a serpente, que era base do seu aumento de poder, destruída, sua confiança de antes desapareceu e agora ele parecia impaciente. O ataque do Sirzechs. É a primeira vez que vejo isso.

Uma das razões pelas quais o Sirzechs foi escolhido como um Maou. —Um poder da destruição esmagador. Isso elimina tudo que toca. Não deixa nem mesmo vestígios. Destruição absoluta. Mesmo quando em pequena quantidade, isso tem um poder exorbitante. Ele não usou poder da destruição em excesso, ele nem mesmo aumentou seu tamanho, mantendo-o pequeno, e ele é capaz de controlar vários deles como se fossem partes de si mesmo. Uma técnica que requer um extremo cuidado e um grande nível de talento. O que Sirzechs tem.

“Maldito seja! Assim como você! E assim como o Vali! Por que esses que carregam o nome de ‘Lúcifer’ são abençoados com poderes e ainda assim entram em conflito conosco!?”

Creuserey tentou liberar mais projéteis enquanto praguejava.

[KUUBAN!]

—Mas uma das esferas tocou o estômago de Creuserey, e isso desapareceu com seu estômago. Mesmo pequena, o poder da destruição foi suficiente. No momento em que isso toca, isso elimina tudo que está ali.

“….. P-Por quê…. Por que o verdadeiro tem que perder para o impostor……”

Enquanto tinha sangue saindo de sua boca, Creuserey derramava lágrimas de sangue. O Sirzechs fechou seus olhos e balançou o braço vagarosamente para o lado.

Nesse instante, todo o corpo de Creuserey foi devorado por várias esferas que flutuavam no céu.



Notas do tradutor e referências[edit]



Voltar para Vida.3 A Grande Batalha! Retornar para Página Principal Avançar para Vida.4 Eu te Amo