Seirei Tsukai no Blade Dance:Volume1 Capítulo 1

From Baka-Tsuki
Jump to: navigation, search

Capítulo 1 — Você é meu espírito compactuado[edit]

Parte 1[edit]

Numa calma floresta, onde os raios de sol brilhavam através das folhas.

*Splash*

De repente, o som de água ondulando ressoou no ar.

Kamito… abriu completamente sua boca e permaneceu exatamente ali.

Havia uma garota, completamente nua perante seus olhos.

Ainda por cima, ela era extraordinariamente bonita.

Seus olhos eram grandes e vermelhos como rubis, seus lábios vermelho-cereja estavam úmidos e lustrosos.

Sua deslumbrante pele branca era tão sedosa como o leite.

Na superfície da água, suas belas pernas eram esbeltas e finas.

Além disso, o que capturou seus olhos mais do que qualquer coisa foi…

O cabelo vermelho carmesim, como fogo ardente, que se apegava sobre seu deslumbrante corpo fino como uma estátua feita de vidro.

Claro, ela estava nua.

Totalmente nua.

— Ah…

Kamito sentiu suor frio nas suas costas.

Nada bom.

Não é bom tê-la visto nua.

…Eu realmente deveria fugir depressa pra longe.

Embora desse esse conselho racional para si mesmo, seu corpo não se moveu.

Na verdade, ele estava encantado. A cena era tão surreal que Kamito sentia-se um pouco destacado da realidade.

E naquele momento, a garota…

STnBD V01 013.jpg

Seus belos olhos úmidos piscaram e olhavam para o intruso que apareceu de repente.

Encarando inexpressivamente, ela parece não ter captado completamente a situação ainda.

Nem mesmo tentou cobrir seus pequenos seios, ainda em desenvolvimento.

*Tick.*

As gotas de água caiam da franja da jovem.

A consciência de Kamito voltou com o som da água.

— Ah… isso…

Kamito tossiu.

Ele desviou seu olhar da garota nua que estava em pé parada.

— Como eu posso dizer isso… isso parece um acidente, certo? Isso é um acidente infeliz para nós dois…

Naquele momento, Kamito cometeu dois erros fatais.

Primeiro, claro, era que ele começou a fazer explicações fúteis. A melhor escolha era tomar vantagem do fato de que a garota estava atordoada e fugir para longe do problema imediatamente.

E o outro erro foi…

— Ainda que vê-la nessa situação seja um acidente. Lamento, sinto muito.

Até aqui isso ainda estava bom, mas a última parte…

— Entretanto, não se preocupe. Ainda sou um garoto saudável, então não tenho esse tipo de interesse. Eu…

Olhando para os pequenos seios, ainda em desenvolvimento, da jovem…

— Não tenho interesse no corpo nu de uma criança.

Veja como ele pisou numa gigantesca mina terrestre.

Um silêncio gélido caiu.

A garota… Calmamente ergueu seu braço com o cabelo vermelho envolto.

Seus ombros tremiam levemente.

Porém, a causa não era o frio, mas Kamito não notara desse fato.

— Dezesseis…

— Ahn?

Os delicados lábios da garota resmungavam alguma coisa, e Kamito ergueu suas sobrancelhas.

— E-E-Eu tenho dezesseis anos!

Naquele instante quando ela gritou isso, o cabelo vermelho da jovem ficou arrepiado.

— O quê?!

Kamito abriu sua boca completamente de surpresa…

— Dezesseis?! Sério?! Como pode ter um peito tão lamentável…

Ele cobriu sua boca rapidamente. Mas isso já era tarde demais.

— …Imperdoável.

A jovem disse isso em um tom frio e baixo.

— D-Definitivamente imperdoável… s-s-s-seu demônio espreitador, pervertido, fera indecente!

— Você conhece bem palavras como fera indecente.

Kamito disse isso em um tom baixo com os olhos estreitados.

— Ahn?

…Naquele momento, ele notou que as árvores da floresta estavam fazendo um ruído baixo, como um sussurro.

(Isso é o vento? Não, isso é…)

— Guardião da chama carmesim, protetor do coração eterno!

— Agora é a hora de cumprir o pacto de sangue, venha adiante e siga o meu comando!

Um suave encantamento veio dos lindos lábios da jovem.

Naquele instante, acompanhado pelo um som de uma rajada de ar, um chicote de chamas apareceu na mão da garota.

…Uma Elementalista!

Kamito gritou em sua cabeça.

Elementalista: Outra camada dimensional desse mundo, o «Astral Zero».

Princesas puras que assinaram um pacto com um espírito daquele lugar são chamadas de «elementalistas».

Elementalistas podem usar diferentes tipos de espíritos, controlando seus poderes a sua vontade.

Parece que a garota perante seus olhos possuía um pacto com um espírito tipo fogo.

A jovem era uma elementalista. Não era uma surpresa.

Afinal, este é o lugar do país, onde excelentes elementalistas são reunidas.

…De qualquer modo, surpreendente, ela é até capaz de usar uma arma elementar.

A natureza dos espíritos invocados para este mundo a partir do Astral Zero, podem ser rudemente divididos em dois tipos.

O primeiro tipo era uma forma básica que parecia com um monte de poder divino, sem massa e com forma indeterminada. Essa era simplesmente a invocação do poder de um espírito e era usado como bateria para o tempo em que a magia do espírito era utilizada.

Havia outro tipo, o puro estado de invocar uma parte da existência original do espírito.

Devido à enorme quantidade de poder necessário e a dificuldade de controlá-lo, dizia-se que apenas uma pequena parte dos elementalistas podia alcançar esse nível.

Mesmo assim, a menina diante de seus olhos não estava apenas usando um espírito, mas o utilizando como uma arma elementar altamente aperfeiçoada.

(…isso significa o que, hein?… Agora estou numa situação de vida ou morte?)

Como o pensamento atingiu-lhe inesperadamente, Kamito espantou-se.

Uma torrente de vapor branco subia no lugar onde o chicote de fogo tocava a superfície da água.

– Você, você tem a coragem…

A garota resmungava com a voz trêmula.

Seu rosto estava vermelho. Era culpa de sua raiva ou seu constrangimento?

– R-Realmente, você tem alguma coragem, para me e-espiar, Claire Rouge, tomando banho…

– E-Espera, isso é um engano! Deixe-me explicar primeiro!

Kamito balançou a cabeça em pânico.

– Não vou ouvir suas desculpas. Por favor, transforme-se em cinzas, pervertido!

O chicote de chamas incendiou violentamente na mão da controladora e movia-se como se lambe-se a superfície da água.

– Oooooh…!

Kamito lançou seu corpo e rapidamente pulou dentro dos densos arbustos por perto.

O ocioso resíduo vermelho permaneceu nas árvores, que foram completamente decepadas como se fosse brincadeira. A superfície cortada dos restos dos troncos das árvores estava surpreendentemente limpa, sem qualquer traço de queimadura. O ataque foi tão rápido, que as chamas nem sequer tiveram tempo para incendiar as árvores.

O cabelo sobre a testa de Kamito estava flutuando para baixo em sua boca, enquanto suor frio surgia em sua testa.

…Hum, isso é uma brincadeira, certo? Não vou morrer assim, vou?

*Zing*, *biyutsu*

Era como uma dança interminável de flash carmesim cortando horizontalmente e verticalmente na floresta. O arbusto foi ceifado num piscar de olhos, Kamito perdendo seu esconderijo fugiu apressadamente.

– Não se desvie, pervertido, não consigo acertá-lo!

– Isso é um absurdo, e não sou um pervertido!

Kamito gritou e ao mesmo tempo, o chicote girou para baixo sobre seus pés, liberando uma faísca violenta. Levantando do chão, saltou imediatamente em direção do bosque, que fora cruelmente cortado.

Mas felizmente, entre todas as desgraças… a mira de Claire não era muito precisa. Afinal, uma mão impedia seu lamentável peito de ser exibido, e, a fim de esconder a parte mais importante, ela agachou-se na lagoa.

Entretanto, considerando seu manuseamento de seu chicote em tal posição, ela deve ser normalmente talentosa em usá-lo.

– Que convencido, apesar de ser um pervertido, por favor, transforme-se em cinzas obedientemente!

– Já disse que não sou um pervertido, a propósito!

Kamito parou e virou-se.

Ele apontou algo que havia reparado há algum tempo.

– Cubra-se melhor. As brechas entre os dedos não são capazes de esconde-los delicadamente.

– …ahn?

Imediatamente, a expressão facial da Claire congelou. E…

– Kyaaaaaaaaaah!

Corando fortemente e gritando numa voz estranhamente bonita… ela rapidamente cobriu o seu peito com ambas as mãos.

– Ah, idiota!

Kamito exclamou involuntariamente.

Claire soltou e perdeu o controle do chicote de chamas, que asseadamente cortava as árvores atrás dela.

Lentamente, as enormes árvores caiam em sua direção.

Entretanto, Claire não percebeu isso. Seus olhos estavam fechados de constrangimento enquanto continuava abraçando seu peito.

Maldição…

Naquele instante, Kamito chutou o chão.

Correndo com toda a sua força em direção a lagoa, em seguida saltou enquanto agarrava os ombros de Claire.

– O qu…?!

As pupilas vermelhas da Claire arregalaram-se. Kamito ignorou isso e agressivamente puxou para baixo d’água. No momento que a mão da Claire tocou a água, uma torrente de vapor subiu, e o chicote de chamas desapareceu. Logo em seguida, as árvores próximas caíram e troncos gigantes desabaram sobre eles.

*Duuuun!*

O som ensurdecedor quase arrebentou os ouvidos e magníficas colunas de água subiram.

Absorvendo o calor do fogo ardente, a quente água da lagoa caía como chuva pesada.

…Alguns segundos depois.

– Hum…

Fazendo uma voz sedutora, Claire abriu seus olhos lentamente.

Ela tinha uma expressão de choque, e seus olhos piscavam admirados.

Kamito estava deitado em cima da Claire, e brevemente, encontrou-se olhando em seus olhos.

Seus rostos estavam tão próximos que se alguém empurrasse suas costas levemente, seus lábios provavelmente se tocariam.

O cabelo vermelho carmesim grudado a sua nuca. Seus lábios vermelho cereja estavam úmidos.

Seu rosto perfeito semelhante uma boneca de vidro, estava diante dos olhos de Kamito.

Por um breve momento pareceu que ele fora capturado involuntariamente por ela. Kamito rapidamente balançou a cabeça.

– Hum… você está bem? Se machucou?

Claire assentiu. De alguma forma, parecia que ela ainda não havia assimilado completamente a situação.

Kamito suspirou, em seguida, tentou se levantar.

*Funyuu.*

Sua mão debaixo da água tocou em algo macio.

– Waaah!

O que é isso? Lama?…

*Funyu*. *Munyu*[1].

– Hum, ya, hwaaa

De seus lábios úmidos veio uma voz doce descuidada. O corpo nu submerso da Claire contraiu-se por algum motivo.

– Hum… é isso?

Chegando até aqui, Kamito finalmente chegou a uma conclusão certa. Uma certa… terrivelmente assustadora conclusão.

(Não, espera, se acalme. Não pode ser isso… certo?)

Não pode ser. Não havia coisa semelhante. Enquanto liberava um fluxo de suor frio, ele tentou desesperadamente negar essa possibilidade.

Quando olhei para ela antecipadamente, não foi tão…

– O-O-O-O que… você… está… fa… zendo?!

O lábio de Claire tremia, sacudindo involuntariamente. Ela estava corando com lágrimas nos olhos.

Aparentemente, provavelmente não era… um pedaço de lama que ele tocou.

– Seu, PERVERTIDO!

– Gwah!

Por ter sido atingido fortemente por uma joelhada no estômago, Kamito caiu na água da lagoa.

*Gugugugugu…!*

Com a subida da oscilação da neblina atrás dela, Claire levantou-se lentamente. Antes de saber, o chicote de chamas materializado pelo espírito de fogo estava novamente em suas mãos. A água da lagoa começou a ferver instantaneamente, e bolhas começaram a aparecer aqui e ali.

– Não…Não, isso é um engano! Espera, eu realmente vou morrer…

– Ca…Cale a boa pervertido, você vai morrer aqui!

Junto com um som ensurdecedor quase arrebentando os ouvidos, o corpo de Kamito rodopiou alto no ar.

Parte 2[edit]

– Hum…

Alguns segundos depois. Kamito começa a recuperar sua consciência, diante de seus olhos, as árvores dentro da floresta se revelava.

Ele tentou se levantar…

De repente, percebeu algo que se enrolava em seu pescoço.

Era um chicote de couro preto para torturar.

– O que é essa coisa…

Kamito tentou removê-lo.

– Finalmente acordou, Seu Espreitador Pervertido.

A coisa em seu pescoço apertou.

– Gweh! Solte-me…

Kamito tossiu depois olhou para cima…

Uma jovem de cabelo escarlate… Claire, estava com as mãos na cintura. Mantendo o arco de sua fina sobrancelha levantada, encarando fortemente Kamito em baixo.

Desta vez, não estava nua. A menina tinha se trocado num uniforme adorável. Ele tem o modelo de linha preta dentro do branco puro, um uniforme da Colégio Espírito Areishia.

Um laço de fita decorado a frente de seu peito. Em vez de um botão, um talismã foi costurado nele. Entre a abertura das meias curta do joelho e uma saia plissada, suas belas pernas finas ficavam presas brilhantemente. As pequenas fitas prendia seu cabelo vermelho carmesim em ambos os lados. Este penteado era chamado de rabo duplo. A julgar pelo cabelo ainda molhado, parece que ele não perdera a consciência por tanto tempo.

Mantendo o pescoço de Kamito amarrado fortemente, Claire estufou seu pequeno peito.

– Bem, seja grato. Fui leve e não tentei matá-lo.

– Isso tem que ser uma mentira. Você definitivamente pretendia matar-me.

– O que você está falando. Estou falando sério, se não você seria cinzas agora.

…Ela apenas disse algo terrivelmente assustador de uma forma calma.

A propósito, cinzas são resíduos suaves de pó vulcânico deixado da lenha incinerada.

– Suplico teu perdão para poupar-me de tornar-se cinzas. Afinal, eu te ajudei.

– Sim, sou uma nobre justa, vou dar-lhe crédito por isso. Você é de uma classe superior da média dos pervertidos, então é um pervertido de nível elevado.

– No final a nomeação pervertido não muda. A propósito, um pervertido de nível elevado não é pior do que um pervertido da média?

– O… O que… fingindo ajudar, você… tocou meu peito!

Recordando o que aconteceu cedo, de repente, o rosto tímido da Claire ficou vermelha.

Hum?

Vendo sua reação, Kamito teve uma ideia.

…Essa garota, será que ela é esse tipo de pessoa?

– Assim, parece que a minha senhora é uma pervertida que tem um hobby de chicotear homens.

Kamito a provocou despreocupadamente…

– O quê?! E-E-Errado, não sou!

A resposta foi imediata como esperado. Claire balançou a cabeça, e seu rosto instantaneamente ficou todo vermelho até os seus ouvidos.

– Então você gosta de ser chicoteada?

– O qu… O que… você… está… di… zendo?!

Os olhos de Claire giraram, enquanto um sopro de vapor subia para fora de sua cabeça. Ela é surpreendentemente afobada.

Oh, como eu esperava…

Kamito sorriu amargamente em seu coração.

Essa garota, é realmente muito inocente.

Provavelmente, não era só esta menina que era especial.

Afinal, esta Colégio Espírito Areishia é uma escola onde puras donzelas elementalistas estão reunidas.

Somente puras donzelas são capazes de trocar sentimentos com os espíritos de Astral Zero. Entre elas, os que retêm bastante poder divino para que possam comandar um espírito compactuado, são meninas nobres de família de reis ou senhores de linhagem antiga e honrosa, cujo o sangue da elementalista era reforçado através do casamento de muitas gerações.

Para manter a pureza do seu corpo e coração, essas meninas são criadas em um ambiente que é completamente separado dos homens desde a infância: a tão chamada educação de elite para elementalistas. Portanto, todas as meninas que frequentam o colégio são princesas super-reclusas que não estão acostumadas a homens.

Descobrindo o ponto fraco da menina, Kamito teve um leve desejo de fazer uma brincadeira com ela.

Mantendo uma posição ajoelhada, Kamito olhou para o brilhante rosto vermelho envergonhado de Claire.

– O q… Então, isso é algo que pretendia dizer desde o começo.

– O q… O que, seu pervertido!

– Posso ver sua calcinha desse ângulo.

– Fuwah!

As lágrimas começaram a circular em seus olhos carmesins, Claire apressadamente pressionou a franja de sua saia com ambas as mãos.

– Você… Você viu?

– Só uma olhada, você é inesperadamente bastante ousada. Ele tem a mesma cor que o seu cabelo.

– Seu… Seu mentiroso! Não é vermelha! É branca, branca!

– Então, é branca.

– ahn?!

Percebendo que foi enganada, Claire mordeu os lábios…

– Aaaaaaaaah

…De algum modo, ela começou a chorar.

Nessa reação súbita e inesperada, Kamito entrou em pânico.

– Não, você é uma pervertida, uma suja ojou-sama, que revela a cor da sua própria calcinha.

Ele planejava provocá-la mais com tais palavras… mas, como esperado, ele estava começando a sentir-se desprezível.

Pegando a oportunidade enquanto Claire estava ainda em desordem, Kamito removeu o chicote enrolado em seu pescoço.

– Foi mal, fui um pouco longe com a minha brincadeira. Desculpe.

Kamito levantou-se e colocou a mão sobre a cabeça de Claire. Claire parou de chorar, e olhou perplexa.

– A culpa é minha, vi seu corpo nu enquanto tomava banho, e eu… toquei seu peito também. Mas essas ações não foram intencionais. Por favor acredita em mim.

– O-O que…

Vendo a veracidade nos olhos de Kamito, Claire não podia deixar de evitar seus olhos.

– O-O que é isso? Se você não é um pervertido, então por que você está aqui?

É obvio. Esta floresta estava sob a jurisdição da Colégio Espírito Areishia, conhecida como a «Floresta Espiritual». Não há motivo para a presença de um homem no colégio onde puras princesas estão reunidas.

Mesmo se não fosse um pervertido, havia um pouco de dúvida que ele era alguém suspeito.

– Fui convocado aqui pela Greyworth.

– Greyworth… a Diretora do colégio?!

Claire questionou suspeitosamente. Na verdade, é natural que duvide.

– Não estou mentindo. Olha, aqui está a prova.

Kamito encolheu os ombros, e tirou uma carta de dentro do bolso de seu casaco queimado. A carta estava assinada pela famosa diretora do colégio. Além disso, foi carimbado com o selo do emblema que simboliza os cinco grandes Senhores Elementais.

– Isso…é, a primeira categoria de selo de emblema do império?!

Claire soltou uma voz de espanto de seus lábios. A primeira categoria de selo de emblema é produzido selando espíritos com uma técnica especial.

Ele é considerado como o sumo dentre os selos de emblema emitidos pelo império, e é dito ser completamente impossível de falsificar. Claro, é algo que raramente é visto, mas como uma elementalista, Claire certamente poderia dizer a sua autenticidade.

– Parece ser o autêntico. Mas, por que a diretora do colégio chamaria um homem aqui?

– Bem, para isso você precisa perguntar a Greyworth, aquela bruxa velha. Foi um incomodo para mim, também.

– Que… que bruxa velha?!

Imediatamente, o rosto de Claire enrijeceu.

A Bruxa do Crepúsculo, Greyworth é muito respeitada pelas puras donzelas que visam se tornar cavaleiros espirituais. Foi dito que sua popularidade no Império Ordesia é no mesmo nível da mais forte dançarina das espadas, Ren Ashbell. Mesmo após uma década desde que ela se retirou do pelotão dos Doze Cavaleiros Generais, a maior força da elite dos Cavaleiros Espirituais conhecidos como os «Números», o seu nome lendário como uma bruxa continua a ser temido e venerado no mais alto grau.

Bem, para mim, ela é nada senão um pesadelo…

Colocando logo a carta no bolso, Kamito encolheu os ombros.

– Greyworth é uma velha conhecida minha. Eu vim até aqui, mas o terreno do colégio é muito grande, então perdi o meu caminho.

O terreno da Colégio Espírito Areishia é incrivelmente vasto. Afinal, ao lado da cidade acadêmica, aos pés da colina, também inclui toda a floresta espiritual que se estende ao redor dele.

– Poderia ser, que você tenha sido enganado pelos espíritos da floresta. Isso é tão estúpido.

– Sim, deve ser isso.

Claire riu, enquanto Kamito concordava, sentindo-se um pouco desanimado.

Existente em vários locais do continente, as florestas espirituais estão conectadas com o Astral Zero através do PORTAL, e são habitados por espíritos que se desviaram neste mundo. A maioria dos espíritos não têm interesse na humanidade então eles são inofensivos. Mas há também os espíritos que divertem-se pregando peças, e eles deliberadamente enganam os viajantes que se perdem na floresta. Como foi guiado por sussurros dos espíritos e foi mais fundo e mais fundo na floresta, ele deve ter perdido o caminho para o colégio.

– Enfim, estou realmente contente por encontrar uma pessoa. Não é muito atraente tornar-se uma vítima da floresta. Daqui em diante, qual direção eu deveria seguir para chegar ao colégio?

– Qual direção… para sua própria informação, vou dizer-lhe, que leva duas horas para chegar ao colégio daqui a pé.

– O que, tão longe?!

Se ele fosse a pé por tal distância, o mais provável é que seria novamente enganado pelos espíritos. Já que uma estudante do colégio estava aqui, ele pensou que o colégio era muito mais próximo do que era.

…hum? Por que essa menina tomava um banho nesse tipo de lugar?

Uma pergunta simples, de repente surge. Hoje de fato está um pouco quente, todavia, ao invés de vir até aqui, deveria haver chuveiros dentro do colégio, de qualquer forma. De qualquer modo, há apenas meninas na escola, não há nada para se envergonhar.

Sendo questionada, Claire cavou suas mãos em seu cabelo de rabo duplo molhado e tentou pentear.

– Estava aqui para o ritual de purificação para um pacto espiritual. Sendo uma nascente próxima a um santuário, a água aqui tem a mais alta qualidade santa. Você ao menos sabe que espíritos gostam de uma mulher que tem uma mente e corpo puro?

– Pacto espiritual?

No momento em que ouviu essas palavras, uma dor latejante veio de trás de sua mão esquerda coberta de luvas de couro. Kamito fez uma careta pela forte dor ardente.

– Um pouco mais daqui, há uma antiga espada sagrada num santuário histórico. Há rumores de que um poderoso «espírito selado» habita lá. Desde a fundação do colégio, nenhuma única princesa pura conseguiu forma um pacto com ele. Isso certamente soa como um espírito muito orgulhoso.

Espíritos Selados… não são espíritos que residem no Astral Zero.

Entre os espíritos, há aqueles que foram selados em armas ou armaduras por antigos poderosos elementalistas. A maioria deles trouxeram desastres terríveis para os humanos, e são seres horríveis chamados de Djinn ou Ifrit pelas sociedades antigas.

Claro, eles não são feitos para serem utilizados pelos elementalistas humanos. Com essa finalidade, os antigos grandes elementalistas os selaram em armas ou armaduras para que eles nunca venham ser invocados novamente.

– Você, planeja formar um pacto com o espírito selado?

– Isso mesmo! Você tem algum problema com isso?

– Pare, isso é muito perigoso.

– Hum, você parece conhecer muito bem, mesmo que você não seja um elementalista. Estou muito consciente do perigo, mas eu preciso de um espírito poderoso, não importa o risco. Claire murmurava, mordendo seus lábios firmemente fechados.

Vendo sua expressão facial séria, Kamito involuntariamente fechou a boca.

– Mas, você já não tem um pacto com o espírito de fogo de antes? Que também é um espírito muito poderoso, não fará bem se você levantá-lo?

Pelo seu atributo, um espírito de fogo não é muito raro. Mas, só há alguns elementalistas que podem controlar um espírito de tal nível e até mesmo ser capaz de usar como «arma elementar» em todo o império.

Além disso, elementalistas que formaram um pacto com vários espíritos são tão raros que são quase inexistentes. A discordância entre os espíritos pode provocar a deterioração do equilíbrio de poder divino. Sem talento suficiente não se consegue controlá-los.

– «Scarlet» é um parceiro importante. Mas…eu preciso de mais poder…

Claire calmamente balançou a cabeça.

– Tenho um objetivo. Para alcançá-lo, eu preciso ter um espírito forte.

Parte 3[edit]

Perseguindo as costas de Claire nos quais seus macios rabos duplos carmesim balançavam, Kamito seguiu ela dentro da floresta. Embora os mocassins de couro da Claire parecessem muito difíceis de caminhar, Claire era uma elementalista bem treinada afinal, e seus passos eram leves e animados.

– Aqui.

Então, de repentes seus pés bem-proporcionados pararam de andar.

Com suas mãos em seus quadris, ela olhou para trás com um olhar penetrante em Kamito.

– Por que você está me seguindo? Seu maníaco espreitador pervertido.

– Sem você, eu não sei o caminho para o colégio. Como tenho dito várias vezes, não sou um maníaco espreitador pervertido. É Kamito, Kazehaya Kamito.

– Fufu, que nome estranho. Origem da Kuina?

Kuina é um império na região oriental do continente. É dito que a sua língua, a sua cultura e a relação das pessoas com espíritos largamente diferia de Ordesia.

– Não, não vim de Kuina. Eu nasci numa ilha remota num pequeno grupo de uma aldeia.

Kamito intencionalmente obscureceu sua própria declaração. Certamente, ele nasceu em um país insular do leste, mas a maior parte da sua infância não foi gasto ali.

– O seu nome também tem um sabor raro, Claire Rouge.

– Não chame por meu nome de forma amigável. De qualquer forma é um nome esquisito.

– Sério? Mas, considero um bom nome.

– O-O que você está dizendo, estú…estúpido!

O rosto da Claire corou, ela então de repente mudou novamente para sua direção anterior, e rapidamente andou mais rápido do que o habitual.

Claire Rouge… obviamente um pseudônimo.

A maioria dos estudantes que frequentam a Colégio Espírito Areishia certamente são jovens damas de famílias nobres que foram treinadas como elementalistas desde a infância. Mas Kamito nunca tinha ouvido falar da residência de Rouge. Para esconder um nome nobre de família, ela deve ter algum motivo para isso, mas Kamito não teve a intenção de investigar mais.

…Todo mundo tem alguns segredos que desejam esconder.

Kamito olhou rapidamente na direção da sua mão esquerda coberta por uma luva de couro.

Até eu tenho o meu, também…

Claire continuou a avançar firmemente. Kamito apressadamente perseguiu-a por traz onde os rabos duplos oscilavam. Agora, perder Claire de vista dentro da floresta só trará problemas para ele. Kamito estava bem ciente dos perigos de passar uma noite dentro da «Floresta Espiritual».

– Esse é o uniforme do colégio?

– Sim.

Claire acenou de forma fria enquanto caminhava.

Os uniformes da Colégio Espírito Areishia são bastante resistentes e também servem como uma veste protetora, que tinha sido submetido a bênção do espírito, e tem o efeito de elevar os atributos sagrados. Ela também poderia funcionar muito bem como um alto traje cerimonial para contratação com espíritos.

– O que, está dizendo que não combina comigo?

– Não, ele combina com você maravilhosamente. Honestamente falando, estou encantado.

Kamito encolheu os ombros, e então respondeu honestamente. Penas finas fazem pássaros finos, Kamito planejava zombar dela com algumas palavras cáusticas, mas ele se encaixava nela tão perfeitamente que Kamito não poderia deixar de cumprimentá-la.

– O-O-O que você está dizendo?! Você é um idiota!

*Kaatsu* Claire corou em vermelho intenso enquanto *yun-Pyun* balançava seu chicote.

– Uau, Acalme-se!

– Não seria porque você disse algo estranho?

– Estou dizendo uma coisa estranha?, Eu simplesmente disse a verdad…

*Dor*

– Entendi, entendi, por favor pare de balançar o seu chicote por qualquer coisa.

…ufa, eu preciso dela como um guia, mas que princesa aborrecida.

Esquivando-se do chicote que foi balançado para baixo a uma distância de papel fino, Kamito suspirou em sua mente.

O santuário que continha a lâmina santa estava tranquilamente em uma clareira na floresta.

Claire facilmente removeu a divisão da entrada proibida, então parou os seus passos, e virou-se para Kamito.

– Daqui em diante, vai ser realmente perigoso, por isso, como um plebeu você deve ficar longe.

– Se você sabe que é perigoso, porque não para?

– Como estou dizendo, eu preciso ter um espírito forte.

Claire calmamente balançou a cabeça, e entrou no santuário.

Desconsiderando os seus avisos, Kamito a seguiu. Como vindo por todo o caminho, era verdade que ele precisava de um guia, mas o mais importante é que ele só estava preocupado com Claire.

Afinal, «espíritos selados» são fortes e ao mesmo tempo tem uma natureza selvagem. Eles preferem destruição e caos; dada a oportunidade, eles até mesmo assassinavam o elementalista que lhes contratava.

Eles não são algo que possa ser controlado por humanos… é por isso que eles foram selados.

Dezesseis anos, com um talento inato de empunhar um espírito, Claire bem que poderia ser chamada de uma prodígio. No entanto, se por acaso, ela libertar o espírito selado e falhar em controlá-lo, o que aconteceria?

Embora ela fosse apenas uma menina que se encontrou por acaso, Kamito não poderia deixá-la sozinha.

— Por quê você me segui? Não posso garantir o que vai acontecer com você.

— Você não tem total confiança para domá-lo?

— C-Claro que sim!

— Então não há problema se eu vir junto.

Kamito encolheu os ombros e Claire se afastou dele.

— Faça como queira.

Dentro do santuário havia uma negra atmosfera sombria e nebulosa. Claire franziu as sobrancelhas levemente, para os cheiros mofados mesclando no ar.

— Chamas, faça-se em luz.

Uma pequena bola de fogo imediatamente começou a brilhar nas pontas dos dedos de Claire, um feitiço básico desenhado sobre o poder do Espírito de Fogo. A luz trêmula da bola de fogo vagamente iluminava as paredes do santuário, que parecia uma caverna estalactites.

A espada estava no interior do santuário.

— Essa… é a espada que o espírito selado reside?

Kamito murmurou, enquanto Claire assentiu calmamente.

Uma espada nua foi perfurada numa pedra enorme. Embora, sem dúvida era uma antiguidade de centenas de anos, não tinha nenhuma ferrugem em seu corpo ou impacto sobre sua borda. Delicadas runas antigas foram gravadas em sua lâmina, irradiando uma ofuscante luz azul.

— Existente aqui mesmo antes do colégio foi encontrada, «A Espada Sagrada de Severian».

— A espada sagrada de Severian? O que matou o Rei Demônio Sulaiman?

Rei Demônio Sulaiman… comandando setenta e dois poderosos espíritos, trouxe caos e destruição para o continente, e foi o único homem elementalista da história.

Dizia-se que o que matou o rei demônio era a espada de Severian.

— Idiota, não há como essa coisa ser a real.

Claire declarou como se ela estivesse espantada.

— A Espada Sagrada de Severian perfurada em uma pedra pode ser encontrada em todo o império. Algumas aldeias remotas até mesmo tem uma para a revitalização da aldeia. De qualquer forma, mesmo não sendo a real, uma vez que é uma espada rune, pode haver um espírito poderoso selado em si.

— De fato. Certamente, a real não estaria em tal lugar…

Claire caminhou em direção a espada com determinação.

— Ei…

— Você fica atrás.

Apontando para Kamito que estava chegando perto, Claire agarrou o punho da espada sagrada.

— Não force a si mesma.

— Entendi.

Kamito decidiu vigiar Claire na borda onde a luz mal alcançava. O espírito selado pode ser provocado pela presença de outras pessoas. Um silêncio pesado encheu os arredores.

— Vamos fazer isso, Claire Rouge.

Respirando fundo, Claire murmurou para si mesma. A sua voz tremia um pouco, parecia que ela estava nervosa afinal.

— Oh Nobre Espírito Selado na Antiga Espada Sagrada!

— Tu deves aceitar-me como tua Mestra, e eu serei tua bainha!

Um fluente encantamento para o ritual do pacto veio de seus lábios vermelho cereja. O seu cabelo carmesim levantou sobre suas extremidades. Uma ventania começou invadir o interior do santuário.

Segurando sua respiração, Kamito a olhava intensamente. Uma vez que os pactos tinham sido trocados e o espírito reconhecido Claire como sua mestra, um selo do espírito seria gravado em algum lugar no seu corpo. Os votos do pacto entraram na sua conclusão. Neste momento, uma terrível rajada de vento varreu dentro do santuário.

— ahn?!

Mas, Claire não se intimidou. Ela calmamente recitou seu voto de pacto.

E, uma luz deslumbrante irradiava da espada sagrada de Severian em sua mão.

Eu não consigo acreditar… ela está trocando um pacto com o espírito selado?!

Prevenção sendo varrida pelo vento, Kamito espantado levantou a voz.

Da espada sagrada perfurada na pedra veio uma espantosa energia divida esmagadora. Se fosse uma elementalista mediana, ela já teria desmaiado.

— Por Três vezes eu te ordeno, troque votos comigo!

E, o voto de Claire repercutiu no interior do santuário… naquele instante.

*Clink!*

— Puxar-Puxar fora. Eu puxarei para fora.

— O que, sério?!

Brandindo a espada puxada para fora da pedra, Claire exclamou com alegria. No segundo seguinte…

As runes antigas gravadas na sua lâmina subitamente brilharam violentamente!

— Ahn?!

Claire involuntariamente largou a espada da sua mão…

A espada sagrada arremessou no chão. Com um flash, ela explodiu em pedaços.

— Kyaaaaah!

Um curto grito agudo atravessou o ar, então Claire desmaiou no chão.

— Ei, você está bem!

Kamito rapidamente correu até Claire.

— O-O quê? O que exatamente…

Claire segurou sua testa e levantou-se, olhando em volta inquieta.

— M-Meu espírito selado?

— Não…posso sentir algo terrível.

O suor fluía intensamente na parte de trás do pescoço de Kamito. Usando uma expressão facial aterrorizada, ele olhou para o teto do santuário. Naquele lugar, oscilando enquanto flutuava no ar estava a espada.

Não é a espada sagrada despedaçada. Mas, ela era uma lâmina de aço áspero que parecia muito afiada.

— Esse é… o espírito selado na espada?!

— Por isso era da classe «espírito da espada». Olha como ele está um pouco irritado.

— Como você sabe tanto? Você nem mesmo é um elementalista!

— É fácil de ver. Não importa como você olhe para ele, não parece ser alguém que promete sua lealdade ao seu mestre.

— Hum… isso é verdade.

Claire estranhamente assentiu delicadamente.

A espada flutuante inclinou apontando sua ponta para baixo, de repente, tornou-se imóvel.

Então…

— Abaixe-se!

Kamito naquele instante, empurrou Claire até o chão. Um som vibrante de inseto roçou a orelha, num instante, ela foi longe.

— E-E-Espere, onde você está me tocando, vou te transformar em cinzas!

Com o rosto fortemente vermelho, Claire batia no peito de Kamito repetidamente.

— Idiota, pare de alvoroçar!

Kamito rapidamente moveu seu corpo para longe, e olhou na direção que o espírito da espada voou.

Fragmentos de rochas caíram com sons estrondosos. O teto do santuário foi totalmente cortado.

— É notável o livramento de um espírito de tal nível.

Kamito olhou com os olhos meio abertos para Claire.

— Mas o espírito está completamente enlouquecido.

— C-Cale a boca. A-A domesticação dele começa agora.

— VOCÊ…

Kamito estava pasmado, mas ele não estava em situação de briga com ela.

A espada do espírito liberou um ruído de trepidação, enquanto aproximava-se deles.

Dentro do santuário, eles não podiam mover-se livremente, e até mesmo o seu alcance de visão era limitado.

Kamito agarrou a mão de Claire e levantou-se. Tocando a suave pele de cada um…

*Doki *

Um batida de coração, mas ele não mostrou expressão controvertida.

— Hwaah…

— Pare de fazer uma reação bonita por qualquer coisa. Vamos fugir.

— O… O qu… O que.. Bonita… o que, eu? Kyaa!

— Vamos correr para fora!

Puxando a mão de Claire, enquanto corria na direção da saída do santuário que estava se expondo com os raios solares.

A espada do espírito imediatamente não os perseguiu. Talvez, agora, ele ainda não tenha se despertado totalmente. Com esta oportunidade eles poderiam ser capazes de fugir. No momento em que estavam fora do santuário, o flash da espada raspou na frente de seus olhos. O topete de Kamito caia enquanto dançava no ar. A espada do espírito soltou um rugido espantoso, decisivamente derrubando as árvores vizinhas em sucessão.

— Um louco, que espírito selvagem, assim como uma certa princesa.

— S-Sempre, você é barulhento…

Sentindo-se levemente desajeitada, Claire deliberadamente tossiu, em seguida se levantou.

— O que uma criança rebelde… Vou te dar uma surra apropriada.

Seu par de olhos escarlate foram queimados com uma determinação feroz; de algum modo ela disse algumas linhas de provocação. Enrolando a franja de sua saia, ela tomou, então, o chicote de couro que estava enrolado a sua coxa, batendo-lhe firme no chão. O coração de Kamito bateu pela visão breve de sua calcinha branca, mas disse que…

— Você está louca?! Seu adversário é um espírito selado de alto nível!

— Vitória fácil. Amadores como você queira ficar a trás!

— Onde você conseguiu toda a sua confiança? Seja como for, vamos fugir!

Claire sacudiu a mão de Kamito que estava segurando seu pulso.

— Não, você pode fugir. Eu absolutamente vou fazer esse espírito meu.

— Você, por que razão… precisa de um espírito forte malvado?

— Você nunca entenderia.

Ao mesmo tempo Claire evitou seus olhos.

— Eu preciso…de poder, eu preciso de um espírito poderoso imbatível que não perca para nenhum outro espírito!

— Guardião da chama carmesim, protetor do coração eterno!

— Agora é a hora de cumprir o pacto de sangue, venha adiante e siga o meu comando!

Claire recitou o feitiço da invocação de seu “Espírito de Fogo”. Uma chama carmesim surgiu e ela foi envolvida pelo intenso calor.

— A caça começa, Scarlet!

Com uma chama ardente… um Gato Infernal Vermelho Escarlate apareceu. Em vez de pele, estava chamas vermelhas escarlate ardendo envolto ao redor do corpo da besta.

É essa a verdadeira forma de seu espírito de fogo?!

Na verdade, ela não era de toda conversa.

Para se manifestar em forma de besta é a prova de que é um espírito de nível elevado. “Scarlet” poderia ser apenas um nome de afeição, talvez não fosse o verdadeiro nome do espírito. Sem dúvida é um espírito de nível elevado que carrega um nome verdadeiro.

Claire brandiu o chicote, e o gato infernal rugiu com um barulho terrível, então correu para o espírito da espada. Faíscas dançantes dispersas. A atmosfera estremeceu com o rugido da besta. A flutuante espada do espírito foi contra eles, cortando todas as árvores em seu caminho.

— Scarlet, vá pegá-lo!

Em resposta ao grito da Claire, o gato infernal saltou. Bem acima da espada flutuante ele foi, e garras afiadas em chamas desceram na espada. Com um alto som agudo, intensas faíscas espalharam para baixo, e a espada do espírito caiu no chão.

Claire correu ao mesmo tempo. Não foi um golpe fatal. A espada do espírito se levantou e voou numa fracção de segundo, girando enquanto desenhava um arco no ar.

O espírito de fogo perseguiu-o depois, tentando não perdê-lo, de suas mãos. Rugindo bem alto, ele deu um grande salto novamente.

Violentas faíscas espalharam novamente. Claire bateu fortemente no chão com seu chicote de couro, lentamente avanço prensando contra o espírito da espada. Parecia que o chicote de couro não era para batalha, e sim para sinalizar instruções para o espírito.

Com os ataques ferozes de Scarlet, o movimento da espada do espírito parou…

Naquele instante…

— Coma isso, Bola de Fogo Ardente!

Claire lançou uma enorme bola de fogo de sua palma.

Bola de Fogo é uma magia de espírito de nível elevado que utiliza chamas ultra quentes e podem queimar terrivelmente qualquer um de seu alvo, sem deixar vestígios. O poder da magia do espírito é determinada pela energia espiritual divina do próprio elementalista e a força do espírito compactuado como um todo.

A bola de fogo lançada desenhou um arco no ar, em seguida, explodiu numa rajada que até mesmo Scarlet foi pego dentro. A onda de choque da explosão derrubou as árvores dos arredores e troncos de árvores caídos irradiavam do centro da explosão.

Que poder terrível…

Protegendo-se das pedras voando próximas a sua cabeça, Kamito envolto sua língua e se maravilha.

Esse poder foi nada parecido com o que uma garota de dezesseis anos é capaz de fazer.

No interior do fogo rodopiante a figura do gato infernal apareceu. Naturalmente, o gato infernal não podia ser prejudicado pelo fogo ardente por causa de sua natureza de fogo.

A espada do espírito flutuava no ar. Parecia que ele não havia recebido qualquer dano também. Naturalmente, Claire não achou que ela derrubaria um espírito de alto nível com magia de espírito. Mas ela deve ser capaz de obter a sua atenção.

— Scarlet!

Claire exclamou. As garras do espírito de fogo atacaram a espada do espírito novamente. Suas garras quentes flagelantes poderiam derreter o aço de ferro. Se o seu adversário fosse um espírito mediano, seria imediatamente exterminado. Mas, a espada do espírito rapidamente virou, e o ataque foi parado pela borda de aço da lâmina. Em um instante, o som estranho de metal arranhando mutuamente ecoou na trêmula atmosfera.

— O…O quê?!

Kamito suprimiu seus ouvidos com as mãos.

Recebendo todo o impacto do som, o rosto de Claire distorceu de dor e ela agachou ali.

A espada do espírito liberou um som estranho… e, depois, transformou-se. A sua forma alterada de uma longa espada média para uma gigantesca espada bastarda.

Num instante.

— O quê?!

O espírito de fogo da Claire tomou o golpe inesperado e não podê evitar a grande oscilação. O corpo foi cortado em dois, e ele desapareceu no vazio, com as chamas enroladas em seu corpo.

Com apenas um golpe, ele perdeu a força para se manifestar neste mundo.

…Droga! Não é de uma liga totalmente diferente? Parecia que ele tinha despertado completamente.

Kamito amaldiçoou, então tomou um olhar de Claire…

Claire tinha caído no chão, e seus atordoados olhos vazios foram fixados para cima no vazio onde o espírito de fogo tinha desaparecido.

Tendo terminado fora do espírito de fogo em uma oscilação, a espada do espírito visava seu próximo ataque em Claire.

A gigantesca espada bastarda voou com um som estourante…

— Claire!

Kamito gritou, e começou a correr. Sem razão, seu próprio corpo acabou se movendo antes que ele percebesse.

— Aaaaaaaaaaaaaaah!

Mergulhando na frente de Claire, ele empurrou a palma de sua mão em direção a espada bastarda. Não sua mão esquerda fechada pela luva de couro… era a sua mão direita.

Não tenho escolha senão fazer isso!

— Oh Nobre Espírito Selado na Antiga Santa Espada!

— Tu Deve Aceitar-me Como Teu Mestre, e Eu Serei Tua bainha!

O suor correu para baixo de sua testa, ele começou a recitar o encantamento de pacto espiritual que ele tinha jurado nunca pronunciar novamente. A ponta giratória da espada perfurou a pele da palme de sua mão. O sangue vermelho jorrou intensamente a partir dela.

— Gwaah, Gah!

Esmagando os montantes de energia divina batidos nele, o solo e a areia em torno deles foram rodopiando pela pressão do vento. Ele quase perdeu sua consciência por causa da dor aguda. Mas se Kamito desmaia-se aqui, Claire que estava atrás dele certamente seria cortada ao meio.

— Por Três Vezes Eu Te Ordeno!

— De jeito nenhum, um pacto espiritual?!

Um som de surpresa veio da garganta de Claire.

Os calcanhares da Kamito afundaram no chão. E, o som de seus ossos quebrando ressoaram debaixo de seu couro cabeludo.

— Troque votos comigo!

Resistindo a terrível dor aguda, Kamito terminou sua última palavra do ritual de pacto.

Imediatamente, o corpo da espada do espírito irradiava uma pálida luz azul.

O quê?!

Flashes intensos e sons estrondosos encheram sua consciência.

Parte 4[edit]

Ele abriu os olhos e o rosto de Claire Rouge estava ali. Caindo mais baixo em seu rosto, estava seu cabelo de rabo duplo fazendo cócegas no seu rosto.

Parecia que ela gritou algo, mas ele não podia ouvi-la claramente. Provavelmente a explosão sonora tinha sujado seus ouvidos.

…Parece que ainda estou vivo.

Deitado no chão exausto, Kamito soltou um suspiro de alívio. A chance de sucesso contra um espírito de tal nível foi muito baixa, mas parecia que sua aposta tinha valido a pena.

Levantando a sobrancelha, ele fez uma careta pelo sofrimento de dor em seu corpo inteiro e levantou a mão direita lentamente.

Em sua mão direita que foi perfurada…

Em vez de uma ferida, um emblema de duas espadas cruzando entre si foi gravado nela.

Era a prova do pacto espiritual… O selo do espírito.

Aah, eu fiz isso…

Olhando para o selo entalhado na parte traseira de sua mão, Kamito murmurou.

Um sentimento agudo de culpa bateu seu coração.

Ele tinha quebrado a promessa com ela…

Mas, para salvar Claire de tal situação, esse era o único método.

Claire notou que Kamito tinha acordado, com suas mãos em sua nuca e rosto se aproximando dele. Tão perto que ele podia sentir sua respiração. Com seus olhos carmesins claros, ela encarava Kamito. Seus lábios cor cereja tremiam fracamente.

— Ahn?

— Por quê? Você é homem. Como pode contratar um espírito?!

— Isso…

Kamito não respondeu e lentamente se levantou. A ser ignorada, Claire irritada levantou suas sobrancelhas.

— M-Meu espírito da espada?!

— Desculpe. Há alguns instantes, eu fiz um pacto com ele.

Kamito suspirou e, ao mesmo tempo, mostrou-lhe a parte de trás de sua mão direita, onde o selo do espírito foi gravado.

— O-O-O-O queeee!

Claire usava uma expressão atordoada com sua boca aberta.

Bem, uma reação natural…

Um longo suspiro… Kamito sentiu uma leve dor no seu coração. Claro, ele poderia compreender claramente tal resposta. Inicialmente, um privilégio que foi concedido a ninguém exceto a pura donzelas… o pacto espiritual.

A existência de um homem que poderia contratar um espírito, em toda a história, pertencia exclusivamente a uma pessoa. E aquele que trouxe caos e destruição no mundo, o elementalista chamado Rei Demônio.

É natural ter medo dele, que realizou o mesmo poder de contratação de espírito como o Rei Demônio.

Kamito levantou-se e calmamente virou-se.

Ele não se arrependia. Para salvar a menina, esta foi a única forma que ele conseguiu pensar.

— Espere, espere eu fala!

Kamito estava prestes a sair, mas uma voz chamou-o de volta.

Virando-se, viu Claire com suas mãos nos quadris encarando-o intensamente.

— Você roubou…meu espírito…assumira a responsabilidade por isso!

— Ahn?

Kamito franziu a testa.

…Isso não fazia nenhum sentido para ele.

Em tal reação de Kamito, Claire impacientemente escovava seu rabo duplo.

— Eu deveria ter sido a única que teria obtido aquele espírito, como estou dizendo, você tem que assumir a responsabilidade por isso.

— Res…ponsabilidade?

Devido a essa palavra inesperada, Kamito tinha ficado ainda mais confuso[2].

…O que essa menina estava dizendo.

— Portanto…

Claire estalou seu chicote, então ela apontou seu dedo indicador para Kamito.

— Você tem que se tornar o meu espírito compactuado!


Notas do Tradutor e Referências[edit]

  1. Estes são sons de tocar e apertar.
  2. Normalmente enquanto estiver usando o idioma japonês, quando uma menina diz a um rapaz para assumir a “responsabilidade”, leva a implicação de casamento. Daí a confusão de Kamito.


Voltar para Ilustrações Retornar para Pagina Principal Avançar para Capítulo 2